Um grupo de turistas brasileiros passeava por Lisboa, seguindo a guia. A dada altura reparam que os semáforos fazem de vez em quando aquele ruído tipo buzina, que desconheciam e nunca tinham ouvido antes. Quando a guia lhes explica que serve para os cegos saberem que o sinal está verde para poderem atravessar em segurança, a primeira reacção foi:

«Nossa, bem sabia que aí na Europa estavam muito avançados em relação a nós, mas não sabia que os cegos até já podiam conduzir!»

(verídica)